sábado, 17 de julho de 2010

- El Secreto de sus Ojos (2009)

 

 

el-secreto-de-sus-ojos The Secret in their eyes – O Segredo dos seus olhos

Quando em Março de 2010, na categoria de Melhor Filme Estrangeiro, ocorreu uma das maiores surpresas da noite – El Secreto de sus Ojos de Juan José Campanella recebe o Óscar contrariando assim o favoritismo das outras fitas nomeadas.

 

O Segredo dos seus olhos conta-nos uma história de 1975 onde uma mulher é violada e morta violentamente. Nesse caso, Benjamín Espósito (Ricardo Darín) fica encarregue do caso. Entretanto, o filme balança entre 1975 e 1999 onde Espósito escreve um romance e relembra-se da caça ao homem que viveu em 1975.

 

Quando vi o vencedor desta categoria, fiquei estupefacto. Agora compreendo o valor desta mesma obra e do prémio que, dignamente, recebeu. O filme, carrega valores extremamente intensos como a paixão e a dor. Entretanto, notamos que o filme desenrola-se com uma suave e notável banda sonora a par de uma acolhedora fotografia e de uma realização deveras extraordinária. Aliás, quando surgimos numa visão por cima de um estádio de futebol, a percorrer os jogadores pela nuca e, com o seu tempo, situamo-nos junto dos dois protagonistas a tentarem descobrir o assassino que dá lugar a uma perseguição e, julgando na íntegra este momento, é fabuloso. E aí surge uma grande diferença neste thriller convencional – O caso fica resolvido na primeira hora do filme.

 

Campanella realizada assim um filme no meio termo entre Hollywood e independente, com marcas de cada um mas sempre com um traço distinto do realizador que nos dita um thriller espantoso, tanto a nível técnico como artístico, com actores brilhantes, com uma banda sonora competente, com uma fotografia acolhedora e uma história sem falhas e viciante, El Secreto de sus Ojos vinga a esmiuçar todas as personagens, todos os seus valores, todos os seus sentimentos, e é aqui que reside algo sublime que não se esconde dos nossos olhos.

el-secreto-de-sus-ojos-original

9 comentários:

Roberto F. A. Simões disse...

Grande nota, para um filme que tem conquistado, ao que parece, bastante cinéfilos por essa internet fora. Ainda não o vi, mas fá-lo-ei com certeza um dia destes ;)

Cumps.
Roberto Simões
CINEROAD – A Estrada do Cinema

Leca disse...

Bruno...
ainda não assisti...
O Segredo Dos Seus Olhos...
mas te deixo uma dica...
um filme francês...
assisti...ontem...
Quinze anos e meio...
é ótimo...

Perdidamente...
Poesia de Florbela Espanca

Ser poeta é ser mais alto, é ser maior
Do que os homens! Morder como quem beija!
É ser mendigo e dar como quem seja
Rei do Reino de Áquem e de Além Dor!

É ter de mil desejos o esplendor
E não saber sequer que se deseja!
É ter cá dentro um astro que flameja,
É ter garras e asas de condor!

É ter fome, é ter sede de Infinito!
Por elmo, as manhãs de oiro e de cetim...
É condensar o mundo num só grito!

E é amar-te, assim, perdidamente...
É seres alma, e sangue, e vida em mim
E dizê-lo cantando a toda a gente!

Hugo disse...

Um dos melhores filmes dos últimos anos.

Uma ótima mistura de drama, policial, suspense e romance, tudo num roteiro bem escrito, bela direção e grandes interpretações.

A parceria Campanella/Darin gerou pelo menos quatro bons filmes.

Abraço

Flávio Gonçalves disse...

Detestei este filme. Peço-vos desculpa, mas foi das maiores desilusões que apanhei em cinema. Mais uma vez ler as opiniões positivas não ajudou de nada.

O filme não diz absolutamente nada, é mais um thriller à CSI com um romancezito lamechas a tentar conquistar o público. Pelo visto conseguiu... E o grafismo só esteve lá para seduzir os mais voyeuristas pelo sangue e as deliciosas histórias de violações.

A realização é sóbria, mas nada de especial, tirando uma sequência que está bem executada (vide a do estádio).

Mas o saldo é sem dúvida negativo. Choca-me saber que o magistral Laço Branco caiu nas mãos desta coisa.

Abraço

Dora disse...

Já cá tenho o filme mas ainda não o vi porque não arranjo um raio de umas legendas sincronizadas com o filme. Eu até percebo espanhol, mas preferia ver com legendas...help!

Nekas disse...

Roberto, deves vê-lo, sem dúvida.

Leca, obrigado pela dica e pelo poema.

Hugo, foi o primeiro que vi desta dupla e concordo com tudo a não ser com o facto de um dos melhores filmes dos últimos anos mas é, sem dúvidas, um dos melhores do seu ano.


Flávio, são opiniões. Eu ainda não vi O Laço Branco mas gostei imenso deste e ainda bem que não li opiniões antes de ver o filme.
A cena do estádio está fabulosa.

Dora, quanto a isso não sei. Mas vê o mais depressa possível.

Abraços

Volver um filme disse...

Realmente deve ser muito bom, todos estão falando muito bem dele. Pretendo assistir logo!

Vitor Silos
www.volverumfilme.blogspot.com

Blog24fps disse...

Assistí "O Segredo de seus olhos" e fiquei encantado com o filme. Além de ser muito bem realizado, tem um roteiro inteligente e atuações impressionantes. A direção é um pouco diferente, as vezes força de mais, mas no geral encanta pelo conjunto da obra. Um filme maravilhoso!

Nekas disse...

Volver um filme, penso que não te irás arrepender.

Blog24fps, até eu fiquei encantado com esta grande surpresa. É, verdadeiramente, um filme maravilhoso.


Abraços