sábado, 7 de novembro de 2009

Já vi - The Shining


The Shining

Como já tinha referido anteriormente, Kubrick é um dos meus realizadores de eleição e como tal tive a oportunidade de visionar esta fita que data 1980...
O filme é uma obra sublime pois o seu terror centra-se num jogo psicológico avassalador que com a ajuda da música nos transporta para um série de acontecimentos perturbadores e claustrofóbicos e não para o constante esterótipo de filmes de terror que se baseiam em assassinatos,assim, este foge à regra pois apenas dá-se um assassinato no filme enquanto o resto é, como já referi, um forte jogo psicológico entre a verdade/fantasia e as verdadeiras intenções do protagonista - Jake Torrance( Jack Nicholson).
Através da música e da arte de manobrar a câmara o filme carrega nos um constante suspense e aterradores pensamentos do que acontecerá a seguir...


Tagline: "Here's Johnny" ou "Wendy, I'm home" são famosas frases que ainda hoje intensificam o pavor e o culto à volta deste filme e que ainda são como uma imagem de marca do filme.


 

5 comentários:

Roberto F. A. Simões disse...

Intenso, transcendente e iluminado pelo éter, um dos melhores filmes de sempre. 5*

Cumps.
Roberto Simões
CINEROAD - A Estrada do Cinema

Nekas disse...

É realmente um bom filme e original na sua maneira de transmitir o seu terror...

Abraço

Tiago Ramos disse...

Não consigo gostar. Não me parece bem realizado (não chegaria ao ponto de concordar com o prémio Razzie para Pior Realizador, mas com o de Pior Actriz concordo plenamente) e não me assusta em nada, nem na sua tentativa... E a banda sonora/efeitos sonoros são péssimos, mesmo para a época.

Nekas disse...

Também tenho que admitir que esperava um pouco mais de Terror pois não me considero um rapaz sem medo mas com algum susto e de facto este filme não conseguiu, no entanto a banda sonora/efeitos sonoros são na minha opiniões bons aspectos que este filme apresenta além da interpretação de Nicholson

Fifeco disse...

Já eu vou partilhando uma opinião diferente. para mim é o melhor filme de terror de todos os tempos. Foi o único que conseguiu assutar-me até à data. E além do mais é uma obra profundamente perturbadora e enigmática. Ah, e quase me esquecia de referir que tem uma das melhores interpretações de todos os tempos.

EU dou um 10 bem redondinho.

Abraço